quinta-feira, 3 de novembro de 2011

As Camadas da Cebola de um Relacionamento



Sim, uma camada de cada vez, e quanto mais você tira, mais você chora, mas no final o tempero é babado! É mais ou menos assim que funciona.

Um namoro é feito de fases, e viver cada uma delas vai te garantir um sucesso promissor no relacionamento. Por experiência própria e de tanto ver isso acontecer ao meu redor, isso eu te garanto. Não adianta querer pular as etapas, se deixar levar e se jogar de cabeça na piscina rasa, a dor vai aparecer o quanto antes. Então tenha paciência, essa é a palavra chave de um relacionamento.


Primeiro você conhece a pessoa, curte, conversa, conheça a vida e saiba o que ela faz, pra saber se seus ideias se encaixam. Lógico que só se a vibe for essa né, porque Amor é amor e um Lance é um lance (clica gostoso). Depois curte bem a fase da conquista. É nesse momento que aquele joguinho entra, de ligar e deixar a pessoa retornar, fazer charminho, doce, ser poota, depois esconder o jogo. Isso é bem divertido. Mas não te empolga e nem prolonga isso, se não a pessoa perde a paciência e te troca em dois tempos. Depois que o rolo começar e ficar sério, fica. Esse é o momento pra vocês se conhecerem melhor, saber dos gostos, manias, sentimentos de cada um. Eu recomendo pelo menos uns dois ou três meses de fica. Não é namoro, mas já pode ser fiel se quiser. Depois disso e você vê que a sintonia tá babado e confusão e vocês se encontram apaixonadinhos, deixa claro o compromisso. Porque tem gente que adora se fazer de doida e depois dizer “a gente tava namorando?”, então pra evitar esse tipo de constrangimento, pede em namoro ou deixa claro que você quer dar nomes aos bois. Então começa o negócio propriamente dito. Ainda sim, tenha calma. Não cobre demais, as pessoas detestam cobrança, já basta o chefe da empresa. Então o que vier naturalmente é mais gostoso e sincero, o que é importante. Agora se você realmente sentir que tá faltando algo, senta e conversa numa boa. Uma conversa sempre ajuda. Brigas só se for algo mais sério. Sério mesmo, e não só porque ele(a) não te atendeu e você faz a louca e deixa 37 chamadas perdidas. Oremos... Ah, briga é importante viu? Na medida certa. Libera as emoções, e as mascaras costumam cair, e sexo pra fazer as pazes é muito gostoso!

O resto você já sabe, se não sabe, aprende na prática. Algumas coisas vem no instinto e você se molda pra vida. Namoro só conta se for duradouro ou intenso. O que importa são as mudanças que ficaram em você e o amadurecimento se torna claro. Se não der certo, tem um monte de dica por aqui pra você superar numa boa, porque rompimento faz parte do processo. E tem que sofrer, é bom, te ensina a levar na cara sem chorar e te faz se sentir mais vivo. Porque afinal, tudo passa.



Não é receita de bolo, só são umas dicas que eu aprendi porae, e como eu tenho muito o que aprender ainda, enquanto eu te conto, eu mesmo vou refletindo...



Nenhum comentário:

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...